12 abril 2006

Ser hã?

Sean é um nome de origem irlandesa.
Em casa a pronúncia sempre foi uma só, a direta e brasileira Sean. Mas claro que, porto-alegrensemente, o e deu lugar ao i e o n morreu na nasalização do a: virei Siã para os mais apressados.

Nos anos 70, os descolados acreditavam que a pronúncia correta era – grande ironia para um tipo contestador – Sin.
Sim, é isso que você leu: Sin.

Só descobri a pronúncia certa com uma professora de inglês que morou na Irlanda: “Sabia que seu nome se pronuncia Xôn?” – nasalando bem a letra o.“Putz, o quê, ô nariz entupido?”. Foi uma amiga chamada Audrey – que se descobriu Ódrei – quem me disse que não se incomodava com a pronúncia original dos nossos nomes. Comprei a idéia, macaco que sou.

Nos anos 90, com maior acesso ao inglês, meu nome deixou de ser morfemas exóticos e caiu na boca do povo. Com um equívoco cultural cometido por muitos: da pronúncia que soa quase como um latido em irlandês, passou a ser cuspido com a velocidade do chinês! Depois do Sean fiel à língua portuguesa, do Siã agaúchado e do Xôn original, os pseudo letrados intelectualóides resolveram me chamar de Xan! Meus olhos meio mongóis não dão direito a ninguém de deturpar meu nome, não. Até porque acolho a pronúncia portuguesa e a irlandesa com a mesma intensidade, e suporto – vá lá – a abrasileirada, mas Xan é dose pra mamute.

Entre tantas possibilildades diferentes de seans, é assim que me construo. Quem se dispõe a conhecer essa edificação sabe que meus muitos nomes me fazem uno, assim como um edifício é feito da sobreposição de andares. Eu não posso assegurar que todos os pisos sejam iguais, mas garanto que aqui não há nenhuma loja de 1,99 com bugigangas made in China. Pelo menos por enquanto.

4 comentários:

marcia disse...

eu falo errado. mas sinto direitinho.

Sean Hagen disse...

*



você podia falar em javanês que a mensagem ainda ia chegar, xuxu.



*

ferdibrand disse...

Grande Sean!

Isso apenas no universo da fonética... Ainda há quem prefira dizer Wolff como se fosse um sobrenome inglês.

Abraços!

Renato

Nanachara C. disse...

Xôn/Seã,
Nem imagina tudo que já ouvi por ter sido registrada "Nanachara". de elogios a brincadeiras de mal gosto e sem graça.
Tb escrevi post sobre isso, há um tempo...