23 outubro 2006

Jumentas de pijamas

Lugar de emissora de TV é em cima de morro.

Morros, geralmente, são ocupados por favelas.
Quem trabalha em TV, tem que subir o morro.
E passar pelas favelas.
E o espetáculo da vida supera em muito a ficção da TV.

Durante anos eu passei por jumento “vestido” de presidiário, que algum insano tentou transformar em zebra. As listras eram tão retas e largas que o animal parecia um Banana de Pijamas. Assim que a zebra da favela apareceu, as crianças brincavam excitadas em volta. Com o tempo, o entusiasmo morreu e o bicho ficou pastando sozinho, com aquela cara desolada de quem não tem mais nada a perder. A tinta só saiu quando o pelo mudou de vez, anos depois.

Qual a surpresa que tenho quando pego o jornal de domingo e uma mula de pijamas tá na capa:



O problema é que usaram carvão pra maquiar a jumenta. Daí caiu uma chuva daquelas e desbotou a fantasia. Se a Wella soubesse, aposto que a zebra ostentaria um luminoso tom “ouro dourado”. Igualzinho ao da Angélica.

13 comentários:

Lena disse...

Menino,

A realidade é mesmo fantástica. Às vezes ela me surpreende com sua dose cavalar de criatividade. Mas essa de pintar o bicho foi de lascar, não?? hahahaha

Então vc é um pesquisador, moço? Ou além disso trabalha na área? Muito bacana os eventos nos quais estás trabalhando, hein? Bjo e boa semana.

Greta disse...

Em BH, numa pracinha, os caras pintaram listras nuns burrinhos e a chada é : dê uma voltinha na zebrinha.

O bom foi que a minha amiga que viu isso ficou indignada com as listras horizontais nas pernas o que me obrigou a fazer uma vasta pesquisa (5 minutos no goooogle, claro) pra descobrir que os caras tavam certos. Bons tempos de ócio.

Maitê disse...

Oi Sean!!

Muito engraçado isso. Acho que se eles tivessem usado o well teriam muito resultado. Vai ver o pessoal não anda pela Ipiranga, onde tem um enorme outdoor da Angélica, ali na altura da SIlva Só, acho que é assim o nome da rua. Falando em televisões que ficam em favelas, vc sabe onde fica a sede da MTV Porto Alegre? Abraços

Graziana disse...

como será que ficou o Lucas nesta história?

Greta disse...

Ah sim, eu acho a Wella um presente de Deus às mulheres que nasceram com alma de ruiva.

Ana disse...

Heheheheh!
Fiquei pensando que fazemos coisas ridículas, às vezes!
Mulheres e seus cabelos!Homens e suas carecas! Mamíferos e suas jubas!
Mas pode observar: o problema é sempre quando tentamos parecer o que não somos!
Morenas tentando ser loiras e os carecas com seus implantes e cabelos penteados e "colados" sabe-se lá com o quê!
Mas tingir os pelos dos pobres animais já é demais!

marcia disse...

coisa mais fofinha era aquela zebra da loteria esportiva. pois é, eu via tv quando era criança. ela dizia: zeeeeeebra. piu piu.

Que chita bacana! disse...

com todo respeito com a Pinta ai acima, mas quando eu era crianca ganhei pintinhos de varias cores...lindinhos. morreram logo, intoxicados com a tinta acho. o 'cerumano' o bicho mais malvado de todos...

:(

Rosamaria disse...

Sean,

tem convite pra ti no meu blog. Vai lá.

Pobre do Lucas! tava sozinho...

Raimundo Pajeú disse...

Muito, muito estranho. As coisas desse povo do sul/sudeste são muito estranhas!
***
Aqui no sertão somos bem mais normais. Temos poucas jumentas, bastante mulas-sem-cabeça. E não é que elas pintam os cabelos sim ? Preferem Wella, amam Angélica, dão Zebra.

Sean Hagen disse...

*


PAJEU

só tem louco aqui.
e estranho.
o pior é que tem muito louco estranho.
e estranho louco.

e mula sem cabeça é mulher de padre.
com cabelos em fogo.

será que são todas gaúchas?


*

Maitê disse...

Sean, por acaso era vc que estava cuidando as provas na UFRGS? Te reconheci via foto. Até

Sean Hagen disse...

*


e por que vc não se apresentou?!?!
que feio, menina, que feio...


*