02 outubro 2006

Mais e melhor

Surpresas nas eleições em todo Brasil.
Como todos os anos, um bom bocado dos pilantras e falcatruas não se reelegeu. Gente nova chega com a obrigação de fazer algo honesto e eficaz.

Tá na hora da turminha enjoada da classe média senso comum parar de dizer que o brasileiro – eles incluídos fora – é burro e não sabe votar. O povo escolhe, mas se vê que cometeu engano, tenta corrigir.

Lula fugiu do debate quando os índices de aprovação o elegeriam no primeiro turno. Os eleitores se sentiram enganados e cassaram os votos, obrigando o petista a debater na marra. No Rio Grande do Sul, os gaúchos rejeitaram veementemente a administração do PMDB, vazia e desastrosa. O governador Germano Rigotto está fora do segundo turno. Despontava como líder absoluto nas “pesquisas de opinião”, mas foi atropelado por Olívio Dutra e Yeda Crusius, que estavam empatados em segundo lugar.

Pra todo acerto sempre há uma margem de erro, e é o que explica a eleição de Collor pro Senado ou Clodovil e Maluf pra Câmara Federal.

Enquanto isso, um documentário da BBC prova que o Ratzinger era responsável por acobertar os crimes de pedofilia da igreja católica. Alguém do senso comum vai sair em defesa do nazista papal?


3 comentários:

Greta disse...

CARACA. Esse cara NÃO É O PAPA! De qualquer jeito, bem feito pro protecionismo do vaticano.

Agora, cá entre nós, eu tou pensando seriamente em lançar candidatura com plataformas idiotas e baseadas em estética e elegância. Porque se é pra dizer nada, bom mesmo é fazer co estilo e dizendo bobagens. Acho que o eleitor merece uma brisa fresca no meio de tanta bosta.

E, sim, inicialmente só brain, dear. ;)

Graziana disse...

As "pesquisas eleitorais" do RS sempre erram muito...
Sim, que bom que o rigotto ñão está no segundo turno, mas não sei se será bom ver a Yeda vencer...

Ana disse...

Pois é, Sean!
Boas notícias! Um dia a gente acerta em tudo!
Quanto ao Papa, arghhhh! Êta gente especialista em dissimular, manipular, disfarçar....