09 maio 2007

Canastrices católicas

Ratzinger em sua melhor performance:
Darth Sidious, em Guerra nas Estrelas

Eu não agüento mais ouvir falar no papa. Juro, meu saco estourou. Até a cor do cocozinho dele significa alguma coisa. E quantas vezes vou ter que ver a criança com cinco cabeças e uma orelha, que atravessou a pé a selva, do Acre até Aparecida, pedir um aparelho de surdez pro santo Papinha?

Por zeus, que histeria é essa? Enquanto a mídia diz que o Brasil está aos pés do papa, o papa pisa no Brasil. E dá-lhe condenação aos homossexuais, ao aborto, a camisinha, as liberdades civis e o escambau. Até a gurizada entrou na dança, e o ato de “ficar” – que tira o sossego dos pais, mas não mata ninguém – virou passível de excomunhão. Já dei adeus a minha sobrinha de 14 anos, mas sem beijo de despedida. E se isso for proibido?

Aos fiéis ferrenhos, faço um pedido: parem de ler o texto aqui. O que vou dizer agora pode ser ofensivo e idiota, mas como já estou condenado à danação eterna pela minha vida de pecados, assumo o risco.

Sabem o que acho? Que seria muito mais proveitoso pro catolicismo se o avião do papa sumisse em algum ponto do oceano. Como podem querer arrebanhar novas ovelhas se determinam até qual pasta de dente é benta? – as de empresas amigas do Vaticano, é claro. A ironia é que tudo é pecado, mas o luxo e a luxúria em que vivem o pontífice e seus garotinhos continua sendo uma necessidade básica para expressar a fé na sua mais alta pureza. E não venham falar em pedofilia, por favor, porque toda criança estuprada por um padre vai pro céu como anjinho. Compensações de uma religião fraterna, é claro.

Como a morte humaniza e santifica as pessoas, e todos os erros são esquecidos e perdoados, cada papa que morre zera a conta e deixa créditos pro seguinte. Sem falar que o espaço na mídia iria se multiplicar por mil: a procura dos destroços, a comoção mundial, o corpo achado intacto, o enterro, a busca de um novo papa, a criança de cinco cabeças e um orelha que atravessou a selva e nadou até o Vaticano pra pedir um aparelho de surdez. É o espetáculo da fé renovada.

Deviam eleger e matar um papa a cada dois anos, no máximo. Mas como eu não trabalho no marketing do Vaticano, vou ter que agüentar essa ladainha sem fim. Agora, se produzissem um filme de terror com o Ratzinger como protagonista, eu pagava pra ver. Com aquela cara de endemoniado, ia ser block buster na certa. Talento pra isso ele já mostrou de sobra

32 comentários:

Daniela disse...

Sean,

Olha, eu já larguei essa gente há mil anos. Tô fora. Quem se importa com o quê o papa diz ou deixa de dizer que assista. Ah, o papa é contra o aborto? Que seja, ninguém vai obrigá-lo a abortar mesmo. Mas o marketing deles é realmente bom.

Nessas horas, viva a tv a cabo, que eu vou morrer alienada vendo o sony!

Rosamaria disse...

tô contigo e não abro! não aguento mais ouvir e acho esse papa muito antepático, o que não aontecia com o anterior, que pelo menos tinha simpatia.

além de tudo que citaste, pq os pades não podem casar? eu fico indignada!

marcia disse...

chico bento ratz-resmunger.

já fiz a lista de bandalheiras pra cometer estes dias.
porque o papa não é pop, mas nós somos.

firvidas disse...

BRAVO! BRAVO! BRAVO!!!!!!!!!!

clarice disse...

Concordo plenamente!!!!!
Não suporto essa hipocresia toda, esse sentimentalismo barato que se instalou nos meios de comunicação e essa manipulação da fé!!!

Thelma disse...

Xonzinho, concordo com tudo o que escreveste! E excomungo este senhor completamente ...afinal, tb estou condenada à danação eterna pela minha vida de pecados. Yessss!!!! Neste caso, o inferno é mais atraente e tem pessoas mais normais.

Graziana disse...

e este papa não é pop, segundo o lobão, ele é nazista..

se eu soubesse que vc gostava dele, te avisava do show, so sorry ;)

formiguinha disse...

Li agora o que eu gostaria de ter dito e não disse por não saber ordenar as palavras.

Vivien disse...

cara, ele é o lord Sith!!!!....rsrsrs
Eu não sei o que gosto mais: do fato dele ter fechado a boca do Boff ou o fato dele ter sido absurdamente preconceituoso com os muçulmanos.. ou o fato dele querer a missa em latim novamente.. ou ele ter dito que o segundo casamento era uma praga social. Ah, sei lá. Dificil escolher a melhor fala do Lord Sith.

claudia lyra disse...

Ui! Se revoltou mesmo agora, hein? :)

Luci Lacey disse...

Sean

Nao sou tao radical, mas sabe-se desde os mais remotos tempos que a igreja sempre luxou.

O Papa morrer nao modifica nada, as ideias e atitudes, serao as mesmas.

Beijinhos

Vini disse...

putzzz! tu decifrou o enigma. eu sabia q conhecia alguém parecido com esse papa! é ele mesmo...
mas ele era mesmo da juventude nazista. o pior é q acham isso normal...

Vini disse...

Ah, pra quem não viu: a HBO passou há pouco um documentário sobre a fuga dos nazistas da europa. advinha quem ajudou??? e em troca de que?? isso mesmo, o vaticano, em troca do ouro saqueado. e não precisa nem lembrar do apoio ao facismo na espanha, né?

Vini disse...

e tem mais uma: vou te roubar essa foto!

ederson disse...

Ah, acho que o mal não é o Papa, nem a Igreja, mas as pesoas que dão bola. Principalmente as emissoras de TV. Até a Record tá passando o Bento. Assim, vão querendo transformar a Igreja em algo que ela não é, mas finge ser. Nenhum bispo tem a mínima relevância, mas se o Jornal Nacional mostra qualquer um falando, até eu acredito que tem.

E esse Papa toca piano, vê TV e veste jaquetinha acolchoada. Não é pop, mas é fashion.

Adriana disse...

Sean, creio que a minha lista de pecados e tao grande que nem o papa poderia me enviar par o ceu...mas falando a verdade creio que prefiro o inferno....o ceu deve ser chatinho...tudo certinha (pelo menos esta figura que nos ensinam)...
Como sempre otimo testo...mais um para o seu livro...
beijinhos carinhosos do outro lado do oceano

Lilaise disse...

Pra começar: Darth Sidious o caralho. IMPERADOR PALPATINE.

Eu tenho minhas próprias opiniões sobr religião e lances. Mas eu vou só fazer um aparte: a maioria esmagadora das pessoas precisa de um consolo *ui* espiritual. E todos os animais sociáveis necessitam de um líder. Pode ver, TODO GRUPO SOCIAL na natureza tem um líder. E essa coisa de liderança não é diferente com vocês, humanos. Logo, não vejo nada de errado em se ter alguém pra "orientar" o grupo dos católicos.

Se eu discordo de uma série de coisas que ele defende? Demais. Assim como eu discordo de vários "líderes espirituais" por aí. Aí, cabe a cada um fazer o que acha melhor. Protestar, ver TV, viajar pra longe etc e tal.

E, eu acho, o Papa fica no poder tanto tempo é pra criar uma certa identidade mesmo. E as pessoas não ficarem perdidas, sem saber quem é o cara no momento. Tipo eu e secretários.

marcia disse...

o ederson tá muito impressionado com a jaquetinha da Renner do papis.

Sean Hagen disse...

*



DANIELA
o problema é que a igreja atinge nossa vida de forma direta, determinando comportamentos reais.

eu também corro pra tv fechada. e fico me roendo de raiva das reprises sem fim.



ROSA
o joão paulo II ficou um véio ogro nos últimos 20 anos. dava medo de olhar também.
mas era mais simpático, vc tem razão. do tipo: cravo a faca, mas te dou um sorriso.



MARCIA
suruba tá entre os intens?
tô nessa.



MELLY
Portugal e Brasil são muito parecidos no xiitismo da fé. mas Portugal já aprovou o aborto, né?



CLARICE
sentimentalismo é uma ótima definição. a ordem é: temos que nos emocionar, não importa com o quê.



THELMA
se a gente se encontrar no inferno, deusolivre!
vão ter que fazer um lugar a parte pra gente não incomodar os outros.



GRAZI
show do papa?
deusmelivre!
- brincadeira. eu sabia do show, mas acabei não indo -


FORMIGUINHA
meu método é: xingue e depois corte os piores palavrões.
tem dado certo.
bem-vinda ao blog.



VIVIEN
tu e a Lila, lá em baixo, me confundiram.
que personagem é esse, afinal?
eu errei o nome?



CLÁUDIA
precido tomar um antivermífugo. quando as bichas se revoltam nas tripas, acontece isso.
que cousa louca.



LUCI
não sei escrever sem ironia.
na verdade não quero a morte do papinha, não.
é muito mais um recurso estilístico pra reforçar a minha repulsa pela intromissão da igreja na vida das pessoas e do estado.
quero mais é que ele seja feliz.
talvez assim ele faça os outros felizes também.



VINI
um adendo: todo jovem alemão era da juventude nazista, não havia opção.
nesse ponto é complicado julgar o cara com os parâmetros de hoje.

mas que o nazismo marcou a vida dele, isso é claro.

e não esqueça que o vaticano nunca condenou o massacre de judeus, intelectuais, ciganos, homossexuais e outras minorias. ficou em cima do muro, olhando de longe, e atuando no submundo, só enchendo as burras de dinheiro.

e robou um cacete!
pode pagar imposto.
quando eu roubei a arte de outro blog, robei na calada, assim com a igreja.
:p



EDERSON
diz pra quem foi criado dentro da igreja que não é pecado abortar?
que não é uma abominação a união hossexual? que mulher divorciada não é puta?
minha mãe, mesmo negando, sofre até hoje por um padre ter se recusado a dar a comunhão a ela depois da separação. não vai a missa, mas fica louca pra ir. sente culpa pelo que os outros acham dela, algo minúsculo.

agora, imagina quando envolve sexo e vida - como no aborto.
os caras são fodinhas, difícil de cortar o elo da culpa.

vc gostou tanto assim do coletizinho do papinha?
quer um, é isso?
pode ser preto?



ADRIANA
eu, vc e Thelma já temos lugar garantido.
que venha a diversão.

- sempre gostei dos pecadores. santinhos quero longe de mim -



LILA
se as pessoas querem um líder, tudo bem.
se as pessoas querem um norte espiritual, tudo bem.
agora, quando o que as pessoas querem interfere na minha vida, tudo mal.
a igreja católica é, sim, uma força descomunal dentro do governo. manda e não pede. e quando o papinha diz que a camisinha é coisa do demo, pra uma população que ouve mais a igreja do que o estado, ele tá criando calamidade pública em que eu e vc poderemos ser afetados.

quantos casais ou mulheres podem dizer que nunca fizeram um aborto?
e a grande maioria fez em lugares infectos, em que arame de cabide de lavanderia e um açogueiro são o máximo do conforto que encontram.
as mulheres sobrevivem pela sorte. ou as que vão ficar se martiziando pro resto da vida, acham que foi deus.

eu sou um agnóstico confesso, sempre fui. tenho até textos falando que já criança colocava em xeque uma fé que me era imposta. mas minha oção não interfere na de ninguém.

que igreja e estado andem separados. quando isso acontecer, o papinha pode condenar até o chocolate e a coca cola que eu não vou dar a mínima.


como assim "vocês, humanos"?
fui rebaixado?
:X




MARCIA
comprei uma preta pra ele.
branca não dá, né?
só se ele fosse bento.




*

Luís Galego disse...

como já vem sendo habitual, cada post é um motivo para gargalhar, mas com qualidade de escrita....ainda bem que descobri um dia este blog...vida longa...

Lu disse...

Acho que a religião católica tá virada no caos. Conheço muita gente católica fervorosa que adora, ama, venera o Papa... mas dentro da igreja. Quando sai de lá, discretamente tira a máscara. Eu fui batizada na igreja católica, sempre estudei em colégio de freiras, mas desde pequena sempre fui muito questionadora quanto à esta imposição da igreja. Já questionava as irmãs no colégio e me chamavam de malcriada.
Se não fazes assim, não podes pertencer ao clâ, é excomungada.
Gosto de entrar na igreja, de rezar, tenho fé, mas não me obrigue a fazer as coisas como eles determinam. Meu papo é com a cara lá de cima, sem ter que pedir permissão pra ninguém. Até porque ele sabe que sou divorciada, tenho tatuagem, ensino meus filhos a usar camisinha..... estas coisas que só do católico pensar, já seria incinerado no ato.

TARCIO VIU ASSIM disse...

Tesconjuro serial killer de Papa!
-
Vamos fundar a IGREJA DE XON DE TODOS OS DÍGITOS? Salve, líder!
-
Bênção.

Lilaise disse...

Ah, Sean, eu pedi exoneração da classe humana. Então só me refiro a vocês assim.

Sou super pró separação Igreja, Estado e minha vida. E não é porque eu acho que um cardeal (veja bem, esse cara não é o papa e não tem que me convença disso) falou qualquer coisa que as pessoas devem se deixar levar.

Mas, se a gente for colocar as coisas na balança, eu também sou pró extinção em massa de vocês, humanos. Trocando em miúdos: eu não presto. rá.

Maitê disse...

Xôn, o papa tbém se parece com o tio Vincent, do Elvira Rainha das trevas...

MC disse...

concordo! o pior de tudo é a hipocrisia tanto da igreja quanto dos fiéis. o que é aquele bando de jovens idolatrando o papa e defendendo as "leis" da igreja católica? até parece que nunca fizeram um fuc fuc ou nunca encheram a cara. eu sempre disse que o cara que inventou essa histórinha milenar foi um gênio, mas a mim ele não engana. se existir mesmo um céu e um inferno, é pro inferno que eu quero ir. o céu deve ser mesmo um saco :P

Lilaise disse...

Ah, então, esclarecendo quem é o personagem: na trilogia original - que é a única que presta - o personagem é o IMPERADOR PALPATINE. Nessas "prequels", ele vem como Darth Sidious, um lord sith poderosão.

Poupando a gúgliada:
Darth é uma contração de Dark lord of the Sith. E os Sith são os antagonistas diretos dos Jedi. Ou seja, um Dark Lord equivale à versão maRvada de um Jedi Master. Então, dizer que alguém é um Lord Sith não é definir personagem, saca? É que nem apontar procê e dizer: ele tem mestrado. É só um título.

E eu sei mais de Guerra nas Estrelas do que o "aceitável". Não que me importe, mas é legal essa exibição de conhecimento inútil.

Sean Hagen disse...

*



LUÍS
o que qualifica o blog é os comentários de quem participa.
vida longa a Brasil e Portugal.



LU
essa daria uma outra discussão, como os brasileiros expressam a fé.
se a gente lembrar do sincretismo forte que há aqui, vixi.
mas toda igreja tem seu dogma.
e na tentativa de proteger esses fundamentos, eles apertam o garrote.



TARCIO
tu é muito mais patife do que eu.
passa logo a sacolinha e arrecada o dízimo.


LILA
mas quem disse que EU sou humano?

agora, vc é uma nerd-não-humana, o que é uma outra categoria. de onde sai espaço pra tanta sabedoria?
vixi!


e não presta, é?
:D



MAITÊ
não lembro. tem foto no gooooooooooooooooooooooooooooooooooogle?


MARIA CLARA
imagina esses 'jovens' com 40 anos.
viximariasanta, vão ser pior do que a Opus Dei.




*

Adriana Amaral (Lady A.) disse...

ahahah eu tb não agüento mais o papa.. vou direto pro inferno onde deve ter sexo, drogas, rock n roll e tudo mais... e viva o ateísmo!

maristela bairros disse...

sean, eu tava quebrando cabeça pra identificar com quem o papa se parecia e tu mataste a charada. e aquela figura dele, voando, que a Globo coloca (ou colocava, perdi a paciência de ver) antes de cada boletim? A própria imagem do 666!
Eu achava que a outra visita tinha sido um pé, mas os caras conseguem se superar! Mas o povo merece, ah, merece! E nós vamos confraternizar nas labaredas, fazendo fondue!!!
bjs
maristela

Zeca La-Rocca disse...

E os sapatos dele é PRADA!!!

verdade, não é piadinha não...

Arnaldo disse...

Sean,

O pior de tudo é que não adianta avião nenhum cair. A igreja católica está trilhando a direção do conservadorismo radical e acho que essa direção não muda tão cedo. O próximo papa, se este sumisse, seguiria a mesma linha. Esse pessoal está muito forte no Vaticano. E mesmo No papado anterior (adorei o lance do véio ogro), quem estava dando as cartas era o Ratzinger, nos últimos anos. E aí, não é uma questão de ser simpático ou antipático, mas sim o que essa gente representa, que interesses eles defendem. Certamente, há muito mais do que apenas questões espirituais nessa coisa. Mas aí entra a nossa velha e famigerada mídia. Descobriram que pode ser uma boa idéia transformar o papa num cara legal. Já tinham feito isso com o anterior e tinha dado certo.

Sean Hagen disse...

*



ADRIANA
que festão vai ser, hein?
u-hu!



MARISTELA
nossos amigos da mídia sempre se superam, estamos vivendo os anos de superação.
o fato não é mais fato.
só se for o superfato.
como o superfato se esgota logo,
busca-se o híperfato.
poucos, né?
então a consistência do cocozinho e o aceno na janela voltam a ter importância jornalística.
nessas horas eu fico feliz de ter dado um tempo pra redação.



ZECA
e tu viu que eram tudo coloridos?
acho que o papinha é fashion.



ARNALDO
a gente vê a história se mover me ciclos de 'solta/aperta'. estamos caminhando pra mais um desses outra vez. a política, a sociedade, a religião estão buscando abrigo nas idéias primeiras, aqueles dogmas imutáveis que exlcuem tudo, negam tudo, condenam tudo.
mas são límpidos e transparentes, fáceis de entender e aplicar.
sofisticação e pluraliade dão dor de cabeça.




*